Regra nº 1 – Em relação ao Criador: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento”.  Mateus 22.37.

Regra nº 2 – Em relação a si: “Atente bem para a sua própria vida e para a doutrina, perseverando nesses deveres, pois, fazendo isso, você salvará tanto a si mesmo quanto aos que o ouvem”. 1 Timóteo 4.16.

Regra nº 3 – Em relação à família: “Mas, eu e a minha família serviremos ao Senhor”.
Josué 24.15b.

Regra nº 4 – Em relação ao próximo: “Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam; pois esta é a Lei e os Profetas”. Mateus 7.12.

Regra nº 5 – Em relação ao ministério: “Portanto, que todos nos considerem como servos de Cristo e encarregados dos mistérios de Deus. O que se requer destes encarregados é que sejam fiéis”.  1 Coríntios 4.1, 2.

Regra nº 6 – Em relação ao cônjuge: “Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor;Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo.De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos.Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela. Efésios 5.22-25.

Regra nº 7 – “Em relação aos dons espirituais: Temos diferentes dons, de acordo com a graça que nos foi dada. Se alguém tem o dom de profetizar, use-o na proporção da sua fé. Se o seu dom é servir, sirva; se é ensinar, ensine; se é dar ânimo, que assim faça; se é contribuir, que contribua generosamente; se é exercer liderança, que a exerça com zelo; se é mostrar misericórdia, que o faça com alegria”. Romanos 12.6-8.

Regra nº 8 – Em relação ao culto: “Portanto, que diremos, irmãos? Quando vocês se reúnem, cada um de vocês tem um salmo, ou uma palavra de instrução, uma revelação, uma palavra em língua ou uma interpretação. Tudo seja feito para a edificação da igreja”. 1 Coríntios 14.26.

Regra nº 9 – Em relação ao Estado: “Todos devem sujeitar-se às autoridades governamentais, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas”.  Romanos 13.1.

Regra nº 10 – Em relação à Missão: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra”. Atos 1.8.

Regra nº 11 – Em relação à oração: “Busquem o Senhor enquanto se pode achá-lo; clamem por ele enquanto está perto”.  Isaías 55.6.

Regra nº 12 – Em relação aos pastores: “Obedeçam aos seus líderes e submetam-se à autoridade deles. Eles cuidam de vocês como quem deve prestar contas. Obedeçam-lhes, para que o trabalho deles seja uma alegria e não um peso, pois isso não seria proveitoso para vocês”.  Hebreus 13.17.

O segredo do sucesso está na obediência à Palavra de Deus.

Anúncios

OUTUBRO/2012

Dia

Atividades

03 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Livro “A Epístola aos Hebreus”.
05 – Sexta-feira Lecionando na EETAD – Livro “A Epístola aos Hebreus”.
06 – Sábado A serviço do TRE. Lecionar na EMAD da IEAD de Candeias do Jamari. Santa Ceia na Sede do Setor 20 – JK 1
07 – Domingo Pregar no Culto de Missões – Congregação Tancredo Neves 1.
10 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Última Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”.
12 – Sexta-feira Lecionando na EETAD – Última Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”.
13 – Sábado Lecionar na EMAD da IEAD de Candeias do Jamari.
14 – Domingo Estudo Bíblico para a Família Cristã – JK 5 – Setor 20.
20 – Sábado Pregar na Confraternização da IEAD na BR 230, KM 18 – Humaitá.
21 – Domingo Pregar na Confraternização da IEAD na BR 230, KM 18 – Humaitá.
25 – Quinta-feira Início da Confraternização da Congregação Tancredo Neves 1. Encerramento domingo, dia 28.
27 – Sábado Lecionar na EMAD da IEAD de Candeias do Jamari. Pregar no Congresso de Mocidade da IEAD Missão de Fé.

METAS PARA O MÊS DE OUTUBRO

Leitura de Livros 12 Mentiras que Você Ouve na Igreja – Tim Riter
Livros do Curso de Bacharel em Missiologia.
Leitura da Bíblia Esdras, Neemias e Ester.
Estudos Trabalhar na Organização do Estudo de “Formação de Líderes” (Português e Espanhol)
Desejos Futuros Novembro – Realizar Viagem Missionária para a Bahia. Participar da 48ª AGO da CEMADERON, em Cacoal, de 22 a 24.
Motivos de Oração Unção e Sabedoria para Ministrar a Palavra de Deus onde for convidado.

Direção divina para o Exercício do Ministério que me Foi Confiado.

Execução do Projeto Missionário na Comunidade.

Matrícula no curso de “Pós Graduação em Administração Pública”.

Versículo “Dizei entre as nações: O Senhor reina! O mundo também se firmará para que se não abale. Ele julgará os povos com retidão” (Salmos 96.10).
Pensamento “Fome e Visão para Levar a Glória de Deus a Outras Nações”.
Oração Senhor, que a tua glória seja refletida através de minha vida por onde eu andar. Seja o teu nome glorificado, pois só tu és digno de toda honra, glória e louvor. Amém!

SETEMBRO/2012

Dia

Atividades

02 – Sábado Santa Ceia na Sede do Setor 20 – JK 1
03 – Domingo Pregar no Culto de Missões – Congregação JK 5
05 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Última Lição do Livro “A Família Cristã”
06 – Quinta-feira Lecionando na EETAD – Última Lição do Livro “A Família Cristã”
07 – Sexta-feira Confraternização da EETAD – FUNDAD. Culto à noite no Templo Central
08 – Sábado Consagração de Missões. Inauguração da Escola de Missões. Culto à noite no Centro de Convenções.
09 – Domingo Pregar no Setor 24 – Comemoração do Dia Nacional de Missões
12 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Primeira Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”
14 – Sexta-feira Lecionando na EETAD – Primeira Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”
19 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Segunda Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”
21 – Sexta-feira Lecionando na EETAD – Segunda Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”Festa do Setor 20 – Termina domingo, 23.
26 – Quarta-feira Lecionando na EETAD – Terceira Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”
28 – Sexta-feira Lecionando na EETAD – Terceira Lição do Livro “A Epístola aos Hebreus”
29 – Sábado
30 – Domingo

METAS PARA O MÊS DE SETEMBRO

Leitura de Livros A Teologia do Cachorro e do Gato – Bob Sjogren & Gerald Robinson
Uma igreja com Propósitos – Rick Warren
12 Mentiras que Você Ouve na Igreja – Tim Riter
Leitura da Bíblia 1 e 2 Livro das Crônicas dos Reis de Israel e o Livro de Jó
Estudos Trabalhar na Organização do Estudo de “Formação de Líderes” (Português e Espanhol)
Desejos Futuros Novembro – Realizar Viagem Missionária para a Bahia. Participar da 48ª AGO da CEMADERON, em Cacoal, de 22 a 24.
Motivos de Oração Unção e Sabedoria para Ministrar a Palavra de Deus onde for convidado

Direção para o Exercício do Ministério que me Foi ConfiadoExecução do Projeto Missionário na Comunidade

Matrícula no curso de “Pós Graduação em Administração Pública”

Versículo “Dizei entre as nações: O Senhor reina! O mundo também se firmará para que se não abale. Ele julgará os povos com retidão” (Salmos 96.10).
Pensamento “Fome e Visão para Levar a Glória de Deus a Outras Nações”.
Oração Senhor, que tua glória seja refletida em minha vida por onde eu andar. Seja o teu nome glorificado, pois só tu és digno de toda honra, glória e louvor. Amém!

Depoimento de uma filha de Pastor.

Cresci ouvindo sobre a obra do Senhor. Todos diziam que temos que continuar o que Deus começou. Em meio a tantas provas e perseguições que sofrem uma família de pastor, ali estava eu, pequena, sem entender todo reboliço que envolve a obra de Deus.

Assim como muitos filhos de pastores, eu não era diferente. Nenhum filho de pastor que conheci dizia querer seguir os passos do pai. É lindo quando uma criança diz: Quando crescer quero ser como meu pai! Mas, com os filhos dos pastores, nem sempre é assim.

Jesus em momento algum disse que seria fácil segui-lo, mas também não disse que seria impossível. Jamais nos prometeu um mar de rosas, mas complementa dizendo que, se perseverarmos firmes, receberemos o galardão que Ele mesmo preparou.

Hoje sou adulta e Jesus mudou o quadro da minha mente e do meu coração. Hoje entendo que fazer a obra do Senhor é fazer parte dos que se alistaram para chegar aos céus. Tudo que decidimos fazer custa um preço e precisa ser pago. Jesus pagou esse preço com sua própria vida não se importando com o que iam dizer dele ou se iriam chama-lo de louco.

Hoje estou alistada para cumprir o ide de Jesus. É assim que Deus trabalha! Ele escolhe pessoas diferentes para tarefas específicas, e os tira do meio dos seus para que a responsabilidade seja maior. No meu caso, Ele chama a filha do pastor que dantes tinha uma visão distorcida a respeito da Grande Comissão. Ele nos nomeou para irmos até os confins da terra, para provar que somos Dele, feitura de suas mãos e que, com Ele somos mais que vencedores.

Hoje entendo que fomos criados para fazer a diferença e que devemos ser membros do corpo, e não prótese. Com este chamado entendido e aceito, pastores tem mudado também sua visão sobre “Fazer Missões”, porque, no campo de batalha, está um filho seu.

Núbia Dantas,

Aluna da EMAD SP. 2012.

Justificativa

 A Igreja do Senhor Jesus tem a responsabilidade de enviar missionários e cuidar deles. Dentre os inimigos que os missionários enfrentam no campo, encontra-se a solidão. A canção de Mara Lima retrata bem esta situação: “A saudade é tanta, que até me causa dor. Saudade da família, da Igreja e do Pastor. Saudades do coral, onde você cantou. É triste este cenário, mas vai, oh missionário, faça a obra com amor”.

 A visita de um membro da Igreja enviadora serve de alento ao missionário. É uma grande oportunidade de conhecer os desafios do campo, contar e ouvir as novidades, auxiliar na solução de probelmas, apoiar nas dificuldades, ministrar a Palavra de Deus e colher informações para a Igreja, a fim de criar laços entre ambos. O trabalho de visita ao campo missionário é uma experiência vitalizadora. Oportuniza ao visitante uma grande experiência missionária e à família do obreiro que está no campo a certeza de que não está sozinha. No dizer de Paulo, nos tornamos “cooperadores no evangelho” (Filipenses 1.5).

 Objetivos

Levar conforto aos missionários enviados pela IEAD de Porto Velho – Projeto Venezuela.
Auxiliar no trabalho de evangelismo.
Realizar batismo nas águas.
Ministrar a Palavra de Deus para a Igreja.
Treinar a comunicação em espanhol.
Obter informações das atividades missionárias.

Metodologia

 A viagem será realizada através de transporte aéreo (Porto Velho X Boa Vista X Porto Velho) e terrestre (Fronteira: Santa Helena X Guacara X Santa Helena). Do aeroporto para a fronteira será utilizado o serviço de táxi, o meio mais viável para este trecho. Na fronteira será feito o câmbio da moeda brasileira para a moeda venezuelana, o Bolívar.

Período da Viagem

Saída de Porto Velho: 12 de junho de 2012.

Retorno de Boa Vista: 21 de junho de 2012. Do dia 13 a 20 estarei em solo venezuelano.

 Recursos Financeiros

 Esta viagem é de iniciativa pessoal, não contando com o apoio financeiro de igrejas. E como a meta da visita ao campo missionário exclui a possibilidade de ser pesado ao obreiro que está no campo, as despesas serão custeadas pelo visitante através de recursos próprios e de possíveis doações de voluntários.

 Avaliação

Será produzido um relatório da viagem e das atividades desenvolvidas na Venezuela, o qual será disponibilizado no blog http://www.pastorpaulosilveira.wordpress.com e repassado para a Semadvel. Aos missionários será solicitado informações sobre a importância desta visita e os seus efeitos para suas vidas e ministério.

Motivos de Oração

Proteção divina para a viagem.
Receptividade por parte da Igreja que será visitada.
Sabedoria para ministrar aos missionários palavras de ânimo e conforto.
Desenvoltura na comunicação em língua espanhola.
Unção divina para pregar o Evangelho.
Recursos financeiros para o custeio das despesas.

Pr. Paulo Sérgio da Silveira – misspaulosilveira@hotmail.com

A mudança de Supervisores acontece por ocasião da comemoração do aniversário de fundação da Igreja Assembleia de Deus em Porto Velho, no dia 28 de fevereiro.

Esta mudança é aguardada pelos pastores e pelos setores com muita expectativa, afinal, cada líder tem suas qualificações, talentos, projetos, que podem atender, ou não, às expectativas da Igreja.

Relaciono os nomes dos supervisores que atuarão na área urbana da cidade de Porto Velho, desejando-lhes sucesso nessa nobre missão que lhes foi confiada por Deus.

Setor 01 – Pr. José Xavier

Setor 02 – Pr. Anselmo de Lima Belo

Setor 03 – Pr. Ricardo Xavier

Setor 04 – Pr. Josias Cardoso

Setor 05 – Pr. Aroldo Carvalho

Setor 06 – Pr. Manelito Costa Carvalho

Setor 07 – Pr. Francisco Lourenço

Setor 08 – Pr. Evanildo

Setor 09 – Pr. Elias Campos

Setor 10 – Ev. Nicolau Ramos

Setor 11 – Pr. Marcos Dantas

Setor 12 – Pr. Gilvander Gregório

Setor 13 – Pr. Ionildo Oliveira

Setor 14 – Pr. Antônio Pereira Lima

Setor 15 – Pr. Maurino Ferreira

Setor 16 – Pr. Paulo Santana

Setor 17 – Ev. José Martins

Setor 18 – Pr. Esmeraldo Leôncio

Setor 19 – Pr. José Maria da Frota

Setor 20 – Pr. Amiston Geremias

Setor 21 – Ev. Vanilson Maduro

Setor 22 – Pr. Rauriê Raimundo

Setor 23 – Pr. José Zeferino de Azevedo

Setor 24 – Pr. Antônio Ferreira

Setor 25 – Pr. Josias Rodrigues

Setor 26 – Pr. Márcio

OBJETIVOS

  • Semear a Palavra do Senhor na área rural e de difícil acesso;
  • Despertar nas famílias (carentes) o propósito de Deus para suas vidas;
  • Desenvolver um trabalho socioeducativo acerca dos ensinamentos bíblicos;
  • Estimular nas famílias o desenvolvimento dos conhecimentos adquiridos durante os ensinamentos bíblicos e testemunhos;
  • Possibilitar momentos de interação professor-aluno, oportunizando em período em que o aluno repasse para a classe o que aprendeu através de sua experiência e/ou através da lição do dia;
  • Formar discípulos de Cristo;
  • Desenvolver nos adolescentes desejos de evangelizar e fazer missões;
  • Fazer com que os jovens professores tenham experiência cristã;
  • Demonstrar na ação eclesiástica o amor cristão.

METODOLOGIA

Aplicar atividades lúdicas e práticas de apoio às famílias (carentes) acerca do estudo da Palavra de Deus, priorizando a conscientização ecológica do aproveitamento de material reciclável na confecção das atividades, desenvolvendo-se as seguintes aulas:

  • Histórias dramatizadas, contadas e cantadas;
  • Músicas;
  • Apresentação de cartazes;
  • Dinâmicas de apresentação e socialização;
  • Brincadeiras;
  • Palestras;
  • Estudos bíblicos;
  • Maratona bíblica;
  • Caminhadas evangelísticas.

CONTEÚDOS

  • Viagens missionárias de Paulo;
  • Os ensinos de Jesus;
  • Os heróis da Bíblia.

AVALIAÇÃO

As atividades avaliativas são similares às aplicadas na zona urbana: leitura e repetição de versículos, apresentação de cartazes, questionários dos estudos bíblicos, maratonas bíblicas com a participação ativa das famílias durante a realização dos trabalhos.

Fonte: Revista Ensinador Cristão. Ano 12 – nº 45. CPAD

Realizamos mais um “Trabalho Missionário na Comunidade”, nos dias 06 e 07/08/2011, desta vez na localidade denominada Lago do Cuniã, uma reserva extrativista na cidade de Porto Velho. O acesso nesta época do ano (verão amazônico) é difícil; só é possível através de pequenas embarcações, como o rabeta, ou por terra, pelo meio da mata.

O trajeto foi bastante cansativo, pois foi necessário levantar cedo, caminhar aproximadamente 10km pelo meio da mata, e em lugar do descanso na chegada, bastante trabalho.

As irmãs Jane e Helena realizaram o trabalho de cabeleireiras, atendendo 58  pessoas da comunidade. Enquanto isso, outra equipe atuou no trabalho de visita e evangelismo, levando boas novas de salvação às pessoas .

Realizamos o trabalho infantil, ministrando a Palavra de Deus e realizando brincadeiras com as crianças. Após as atividades, oferecemos almoço para todos os participantes, incluindo os casais que estavam participando de um seminário no mesmo horário (domingo pela manhã).

Nossa equipe levou alimentos não perecíveis para serem distribuídos às pessoas carentes, trabalho que ficou sob a responsabilidade do pastor local.

Nas imagens, nosso condutor, irmão Agostinho, irmãs Jane e Helena,  cabeleireiras, e eu, no retorno a Porto Velho, numa longa viagem de sete horas numa embarcação pequena, e lotada com as mochilas do pessoal que seguiu por terra.

Faça parte deste projeto!

Algumas fotos do treinamento realizado na Igreja Assembleia de Deus em Cujubim Grande, Distrito de Porto Velho/RO, nos dias 11 e 12 de junho de 2011. Houve a participação de trinta pessoas.

Temas: A Prática do Evangelismo Pessoal

                O Trabalho do Visitador Cristão

Quem sou eu


Pela graça de Deus sou o que sou. Pr. Paulo Silveira.

Compromissos Eclesiásticos

dezembro 2018
S T Q Q S S D
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Igreja Evangélica Assembléia de Deus em Porto Velho

Siga-me se quiser

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Sites Úteis

Escola de Missões

Rádio Boas Novas

Rede de Radiodifusao Bíblica

Instituto Cristão de Pesquisas – Ministério Apologético

CACP – Ministério Apologético

Casa Publicadora das Assembléias de Deus

Sociedade Bíblica do Brasil

Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil

Asas de Socorro

Missão Portas Abertas

Missão Novas Tribos do Brasil

Jovens Com Uma Missão | JOCUM Brasil

Missão Kairós

Missão ALEM – Levando a Bíblia além das Fronteiras

Missão A Voz dos Mártires

Comunidade de Aprendizado de Línguas – Gratuito

Contador de Visitas

  • 7.683 visualizações
Anúncios